Mapa do Site

Apoio alimentar a doentes COVID-19 em situação de vulnerabilidade social

O Município da Amadora aprovou o investimento de 45 mil euros por forma a continuar a apoiar as famílias em situação de vulnerabilidade.
Apoio alimentar a doentes COVID-19 em situação de vulnerabilidade social

Desde o início da pandemia que a Câmara Municipal da Amadora tem procurado dar respostas à sua população através de uma forte articulação com todos os agentes e parceiros da comunidade.

Assim, no âmbito do Fundo Municipal de Emergência Social, foi estabelecido, no final de agosto, um protocolo de colaboração entre a Autarquia e a Santa Casa da Misericórdia da Amadora – SCMA, para prestação de serviço de apoio alimentar ao domicílio dos agregados familiares em isolamento obrigatório por infeção COVID-19, que se encontrem em situação de vulnerabilidade e sem rede de apoio social.

Este protocolo estabelece uma comparticipação financeira, por parte da Autarquia, para pagamento das refeições, bem como o pagamento dos recursos humanos afetos à entrega das mesmas.

No âmbito deste protocolo já foram entregues no domicílio 3 808 refeições confecionadas.

Neste contexto, e com o aumento de famílias em situação de carência, que se encontram em isolamento obrigatório por infeção da COVID-19, importa continuar a garantir o fornecimento de refeições confecionadas no domicílio, pelo que o Município da Amadora aprovou o investimento de 45 mil euros por forma a continuar a apoiar as famílias em situação de vulnerabilidade.

Mais informações:
www.cm-amadora.pt/covid-19
www.facebook.com/municipiodaamadora