Mapa do Site


todos   atividades   desporto   encontros   espetáculos   exposições   infantojuvenil   outros  

Detalhes

Início:31/10/2021 16:00

Descrição

O Fado volta ao Cineteatro D. João V no dia 31 de outubro, a partir das 16h00, pelas vozes de Maria João Quadros e de António Pinto Basto.

M/6 | 10€
Bilhetes à venda na Ticketline e na bilheteira do Cineteatro D. João V, no próprio dia, das 10h00 às 13h00, das 14h00 às 19h00 e das 20h00 até ao início do mesmo.

Sinopse |
Uma voz sublime num encontro de fados inesquecível!
Maria João Quadros é, há muitos anos, figura de proa no meio fadista. Nos retiros e nas casas de fado, Maria João foi construindo, noite a noite, um prestígio que a coloca atualmente como uma das mais importantes figuras do Fado.
Foi esse prestígio que permitiu que compositores brasileiros de primeira linha se congregassem à sua volta para fazerem um disco de "fados" que juntasse o melhor da canção portuguesa com o melhor da música popular brasileira. Seduzidos pela emissão da sua voz que é absolutamente única e rara, mesmo no meio do fado, e pela sua alma onde o fado é soberano, Ivan Lins, Francis Hime, Zeca Baleiro, Chico César, Olivia Byington, entre muitos outros, deitaram mãos à obra a esta tarefa de fazer fados para uma fadista castiça e verdadeira.

Este encontro tão feliz exige uma celebração, a mesma congrega a música de Portugal, do Brasil, mas também da música africana, ou não fosse Maria João Quadros natural de Moçambique.
António Pinto Basto começou a interessar-se pelo Fado ainda em criança. Com 16 anos, António Pinto participou na Grande Noite do Fado, como representante da Casa do Alentejo. Pela mesma altura também teve a experiência de cantar em casas de fado. Tinha apenas 17 anos quando gravou o seu primeiro disco, iniciando assim a sua carreira.
Nos anos de 1972 e 1973 gravou mais dois EPs. Gravou em 1988, o maior sucesso da sua carreira — "Rosa Branca", um fado escrito pelo seu avô João, cujas vendas atingiram o disco de platina. Gravou posteriormente mais discos.

Cineteatro D. João V
Largo da Igreja, 5B/C/D – Damaia
Águas Livres (2720-295) Amadora
Telefone: 214 975 187
GPS: 38.746158, -9.218532

Acessibilidades:
Auditório: 8 lugares p/ espetadores com mobilidade reduzida e 8 lugares p/ acompanhantes;
Elevador p/ acesso ao Foyer e WCs; WCs (Feminino e Masculino) adaptados p/ espetadores com mobilidade reduzida.

Transportes, Táxis e Parque Público de Estacionamento:
- Comboio da CP: Estação da Damaia - Linha de Sintra - Lisboa (500 mts);
- Carris: n.º 711 (Alto Damaia - Terreiro do Paço) | n.º 764 (Damaia de Cima - Cidade Universitária);
- Lisboa Transportes: n.º 108 (Reboleira-Caxias) | n.º 109 (Reboleira - Damaia de Cima) | n.º 144 (Belém - Cacém) | n.º 162 (Algés - Falagueira) | n.º 185 (Amadora - Lisboa) | n.º 186 (Amadora - Falagueira);
- Táxis (Praça de táxis a 500 mts.);
- Parque público de estacionamento (a 20 mts.).

Local

Maior Menor