Mapa do Site

Quinta de São Miguel

Quinta de São Miguel

É uma quinta oitocentista com jardim, gruta e lago artificiais, do início do Século XX, que forma um conjunto de interesse arquitetónico.

Conhecida por Quinta do Hotel Tivoli, dado à altura ser propriedade deste hotel e sua fornecedora de produtos agrícolas, situa-se à beira da outrora Estrada de Lisboa-Sintra, nas proximidades do Bairro das Cruzes. Na obra “Portugal Antigo e Moderno”, Pinho Leal faz a seguinte referência: “De entre as quintas e casas de campo que guarnecem a estrada, sobressahe, em beleza e sumptuosidade, a residência do sr. Luís do Rego da Fonseca Magalhães, filho do célebre estadista e grande orador parlamentar, Rodrigo da Fonseca Magalhães. Foi esta propriedade fundada, ou, pelo menos ampliada e melhorada, pelo fallecido negociante da praça de Lisboa, Francisco Marques Torres. Passando ao Sr. Luís do Rego, elle a transformou na magnífica vivenda que hoje admiramos”.

Quinta de São MiguelDurante anos, funcionaram no seu espaço um conjunto de associações locais de índole cultural.

A Quinta de São Miguel foi alvo de obras de reabilitação e de ampliação por parte da Câmara Municipal da Amadora no âmbito do Programa de Iniciativa Comunitária URBAN I, tendo como objetivo o funcionamento de diversas valências naquele equipamento, nomeadamente o Serviço de Apoio Domiciliário no Centro Comunitário Intergeracional e o Centro de Acolhimento Temporário para crianças em risco.

R. Elias Garcia, Freguesia da Falagueira-Venda Nova