Mapa do Site

Quinta do Assentista

Quinta do Assentista

É uma Quinta do Século XVIII (1746) que em tempos foi também conhecida como Quinta dos Intendentes.

Quinta do Assentista Do seu conjunto, destaca-se a majestosa entrada ornada por uma pequena cartela onde se pode ler a data de 1746, contendo por cima um frontão barroco. No centro encontra-se um nicho com uma estátua de Nossa Senhora da Saúde, enfeitada com uma grinalda de anjos e no alto ergue-se uma cruz sobre um monte Gólgota em miniatura, onde se pode ver a porta do Santo Sepulcro.

A decoração sóbria da Quinta é característica da casa típica do Século XVIII.

No jardim existe grande variedade de espécies vegetais, destacando-se as áleas cobertas que formam originais jogos de sombra e luz.

A Quinta do Assentista conserva, ainda, os tanques de rega, uma aerobomba, fontes e bancos de repouso, bem como o edifício da capela particular.

Da história da quinta pouco se sabe. No fim do Século XIX, foi leiloada por Manuel Junqueira Patrone, por nove contos e adjudicada a António Wenceslau da Silva. Em 1920, foi arrendada a uma das figuras mais marcantes da Amadora na época, o médico e político, professor João de Azevedo Neves.

É propriedade particular.

R. Elias Garcia, 116, Freguesia da Falagueira-Venda Nova