Mapa do Site

Villa romana da Quinta da Bolacha

Villa romana da Quinta da Bolacha

A villa romana da Quinta da Bolacha localiza-se na freguesia da Falagueira-Venda Nova e foi descoberta em 1979 no âmbito da prospeção que se realizava ao aqueduto romano identificado no Município da Amadora.

Villa romana da Quinta da Bolacha

Ao longo de vários anos foram realizadas campanhas de sondagens que resultaram na descoberta de estruturas romanas preservadas pertencentes a uma villa, que chegam a atingir 1m de altura.

Com o desenvolvimento de todos estes trabalhos arqueológicos foi possível, não só propor uma área de implantação dos vestígios, com cerca de 31 200 metros quadrados, como identificar contextos selados integráveis nos séculos III a VI da nossa era, devido aos inúmeros materiais recolhidos.

As estruturas correspondem, numa das áreas, a uma sala ampla de uma habitação construída no século III/IV cujas paredes foram revestidas com estuques pintados e que possuía um pilar central, igualmente, revestido a estuque pintado com banda vermelha e um dreno junto da parede.

Já no século IV/V este espaço foi reformulado, tendo-se construído uma parede que dividia a referida sala, o pilar central foi destruído e fizeram-se mais três drenos, que percorrem todo o espaço.

Junto da parede divisória foi construída uma grande lareira (80x100 cm), cujo encosto foi feito com recurso a uma pedra calcária aparelhada.

Todos os objetos recolhidos, nomeadamente restos de ânforas, cerâmica comum e recipientes em terra sigillata africana levam-nos, a propor, a utilização deste espaço como cozinha, nesta fase.

De futuro pretende-se alargar a intervenção, para melhor conhecer o espaço e a sua forma de ocupação, uma vez que esta se encontra num dos locais com ocupação contínua mais antiga da Amadora, a Falagueira.

Como curiosidade, refere-se, que nos contextos de revolvimento foram recolhidos vestígios de ocupação da Idade do Bronze, de época romana correspondentes ao século I/II e do período islâmico, conferindo-lhe, deste modo uma elevada importância a nível local.

Dada a importância deste sítio arqueológico para o município, - uma vez que é a única villa romana descoberta na Amadora - foi proposta a sua classificação, pelo que se encontra classificada como Imóvel de Interesse Público pela Portaria n.º 740-DI/2012, de 24 de dezembro de 2012.

•    Realizam-se visitas guiadas a grupos organizados mediante marcação.
•    No âmbito do projeto “Escola Aberta do Património”, são realizadas visitas guiadas a este sítio arqueológico para o restante público. Informe-se através do número 214 369 090. 

Contacto para marcações
Parque Aventura, Beco do Poço – Falagueira-Venda Nova (2700)
Telefone: 214 369 090
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Horário:
2.ª feira a sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00


Endereço:

Núcleo Museográfico do Casal da Falagueira - Núcleo Sede: Parque Aventura, Beco do Poço - Falagueira-Venda Nova - 2700 Amadora
 

Telefones:

+351 214 369 090