Mapa do Site

Recreios da Amadora

Recreios da Amadora

Foram mandados construir por iniciativa dos proprietários da Fábrica de Espartilhos Santos Mattos, José Santos Mattos e António Correia. O edifício principal dos Recreios foi inaugurado a 17 de agosto de 1914. Em 1912, já tinham sido inaugurados os primeiros recintos desportivos, constituídos por um campo de ténis e um rink de patinagem acimentado.

Recreios da Amadora

Alguns anos mais tarde, os Recreios possuíam um grandioso salão de festas, um cine-teatro, um rink de patinagem em madeira (concluído em 1915) e um campo de ténis.

Ao longo dos anos, o edifício sofreu diversas intervenções, que ocorreram em 1943, 1978 e 1997, esta última sob a responsabilidade da Câmara Municipal da Amadora, após o que se procedeu à reabertura do edifício.

Os Recreios da Amadora constituem um dos maiores valores patrimoniais e culturais de referência no Município e são o testemunho vivo da história social e desportiva do Município.

Atualmente, funcionam como polo difusor e produtor de cultura, nomeadamente nas áreas do cinema, teatro e exposições temporárias.

O edifício está classificado como imóvel de interesse municipal.

Av. Santos Mattos, 2, Freguesia da Venteira