Mapa do Site

Já conhece a programação cultural da Biblioteca para o mês de outubro?

Programação cultural para outubro na Biblioteca
Já conhece a programação cultural da Biblioteca para o mês de outubro?

Com um vasto património cultural e fundos documentais especializados, a Biblioteca Municipal Fernando Piteira Santos promove não só a leitura, mas também a literacia cultural e artística, constituindo-se como um núcleo dinamizador das mais variadas áreas culturais.

Durante o mês de outubro, estão previstas, neste equipamento municipal, atividades regulares que procuram satisfazer as necessidades culturais dos seus diversos públicos.

Todas as terças-feiras, para o público infantojuvenil, realizam-se visitas guiadas à Biblioteca e Bedeteca, há Dramatização teatral “A Arca de Noé” seguida de ateliê, e Hora do Conto baseado no livro “Queridos livros” de Ana Faria, seguido de ateliê Reciclar e Criar.

Para os adultos, a 21 de outubro, tem lugar o ateliê de Origami, e para os bebés, no mesmo dia, há a sessão interativa Bebeteca com o título “Lado esquerdo/lado direito do corpo (as simetrias)”.

Os seniores não foram esquecidos e, para eles, tem início neste mês o curso “Acordar para o Teatro…Séniores”, baseado no livro “Bendito Apagão” de Fernando Vale. A próxima sessão decorre no dia 25.

No dia 18, Arlindo Pinto fará a apresentação do seu mais recente trabalho, o livro de fotografia “Today is a long time”.

Em outubro inicia também uma nova oficina, baseada no livro “Praia-Mar”, de Bernardo Carvalho. Realiza-se nos dias 23, 24, 25 e 28 e pretende estimular a criatividade das crianças através da leitura de imagens.

Outra novidade na programação deste espaço cultural, são as palestras sobre “Temas da Vida” e “Espaço Público”. A primeira acontece no dia 13 (sexta-feira), com o escritor Bruno Vieira do Amaral, que abordará a temática “A história sempre presente: a(s) família(s)”. A segunda conversa, no âmbito do ciclo “Espaço Público”, será dia 27, com o professor João Carlos Graça, que trará o tema "Consumismo, queremos + do que precisamos?".

O teatro infantil não poderia faltar. É no último sábado do mês, dia 28, que o Teatro Muzumbus regressa ao auditório da Biblioteca para apresentar aos mais novos a peça “caracol Ulisses, as árvores e os alimentos da horta”.

De regresso estão ainda os Debates sobre História ao Fim do Dia. No próximo dia 26 de outubro, o tema será “Os jornalistas e os jornais no Estado Novo” com a investigadora do Instituto de História Contemporânea, Ana Cabrera.

Também há duas exposições para visitar! Na Bedeteca, situada no piso 2 da Biblioteca, está patente, até 21 de outubro, a exposição “A minha casa não tem dentro” do artista António Jorge Gonçalves. E, até dia 11 de novembro, é possível ver a mostra coletiva “Cidades”, do The Lisbon Studio.

Todas as atividades previstas são de participação gratuita.

Para estar a par da programação prevista para os próximos meses, consulte a Agenda Cultural.

 

Outubro | Programação cultural
Biblioteca Municipal Fernando Piteira Santos

Todas as terças-feiras | 10h30 - 11h30 | Dias 3, 10, 17, 24 e 31 outubro
Visita guiada à Biblioteca e Bedeteca
Sinopse | Conhece a Biblioteca e a Bedeteca da Amadora? Sabe como funcionam? Venha visitar estes espaços e ver como se organizam os fundos documentais, nos seus diversos suportes, qual a melhor forma de aceder a eles e qual a sua utilidade.
Destinatários: público escolar e geral
Necessária inscrição prévia

Todas as terças-feiras | 10h30 - 12h00 | Dias 3, 10, 17, 24 e 31 outubro
A Arca de Noé | Dramatização teatral e ateliê
Sinopse | Dramatização teatral e ateliê sobre o livro de Pedro Strech, ilustrado por Carla Pott, recomendado pelo Plano Nacional de Leitura, para apoio a projetos de cidadania, amizade, entreajuda e perseverança. “…Há milhares de anos atrás encontramos Noé, um homem que tem pela frente uma difícil missão: escolher os representantes de cada espécie animal para salvá-los do Dilúvio que irá devastar o mundo. Para isso, Noé trabalhou dia e noite para construir uma embarcação sólida e resistente (…) e conduziu os animais e a sua família para a arca mas assim que lá entraram começaram os desentendimentos (…) e Noé teve que intervir para apaziguar os ânimos, explicando-lhes que tudo o que é importante está dentro de nós…”
Destinatários: público pré-escolar, 1.º ciclo e famílias com crianças maiores de 2 anos.
Necessária inscrição prévia

Todas as terças-feiras | 10h30 – 11h30 | Dias 3, 10, 17, 24 e 31 outubro
Hora do Conto baseado no livro “Queridos livros” de Ana Faria, seguido de ateliê Reciclar e Criar
Sinopse | Com a obra Queridos livros, integrada no Plano Nacional de Leitura e recomendado para leitura autónoma no 4º ano de escolaridade.
Uma história sobre a importância dos livros para estimular a imaginação e a criatividade das crianças.
Destinatários: público pré-escolar, 1.º ciclo e famílias com crianças maiores de 2 anos.
Necessária inscrição prévia

11 e 25 outubro | 16h00 – 17h00
Curso “Acordar para o Teatro…Seniores” baseado no livro “Bendito Apagão”, de Fernando Vale
Sinopse: Tem como objetivo proporcionar a vivência do teatro às pessoas idosas, descobrindo como a procura e a construção das personagens ajuda a desbloquear a exercitar sentimentos escondidos, ou timidamente revelados assim como o autoconhecimento.
Propõe-se que todos os participantes integrem um projeto de teatro onde desempenham um papel específico e individual, com o grupo e também com as crianças que integram o projeto “Acordar para o Teatro… para jovens” já a decorrer na Biblioteca, resultando assim num espetáculo final Intergeracional ( avós e netos).

13 outubro | 18h30
Temas da Vida: temática “A história sempre presente: a(s) família(s), com o escritor Bruno Vieira do Amaral
Sinopse: Estruturada ou desestruturada, monoparental, nuclear ou alargada, a família forma personalidades e produz personagens. E se falamos da família dos laços de sangue, falemos também das famílias dos afetos - dos amigos, dos clubes, dos bairros. Mal ou bem amados é entre memórias, verdadeiras e falsas, que nos fabricamos e em que muitas das obras de literatura se criam. Bruno Vieira Amaral, autor quatro vezes premiado com As Primeiras Coisas e Hoje Estarás Comigo no Paraíso vem falar connosco sobre a(s) família(s) e, obviamente, sobre literatura.

18 outubro | 18h30
Apresentação do livro de Arlindo Pinto “Today is a long time”
Sinopse: Tenho a firme convicção que uma casa onde morou o afecto nunca estará vazia. É este eco sentimental, esta presença distante, que escuto nas imagens com que o autor compõe uma carta de amor póstuma, dirigida aos seus avós, neste "Today is a long time"(...) – por Susana Paiva
Destinatários: público em geral

Terceiro sábado de cada mês | 14h30 – 16h00 | 21 outubro
Ateliê de Origami para adultos
Sinopse | O origami é uma técnica oriental que consiste em criar determinadas figuras dobrando uma folha de papel, sem a cortar ou colar.
Normalmente o papel usado é quadrado, e as faces podem ou não ser de cores e/ou estampas diferentes.
Destinatários: público em geral
Necessária inscrição prévia

Terceiro sábado de cada mês | 16h30 – 17h30 | 21 outubro
Bebeteca | “Lado esquerdo/lado direito do corpo” | Sessão interativa para bebés
Dinamizado por Ana Isabel e Paula Pina do Projeto SóHistórias.
Necessária inscrição prévia

23, 24, 25 e 28 outubro | 10h00 às 11h30 e das 14h30 às 16h00
Oficina baseada no livro “Praia-Mar” de Bernardo Carvalho
Sinopse: “Quando vamos à praia, é costume encontrar um ouriço-do-mar, uma lapa, um cavalo-marinho ou até um ovo de tubarão… mas ultimamente, tem aparecido uma espécie muito estranha que não devia estar ali. O que será? Como é que foi ali parar?
Um livro para atravessar de pés descalços e contemplar sem pressas, como se deve fazer ao mar, seja inverno, seja verão. Aborda o tema do lixo marinho/plástico nos oceanos”.
Dinamização: Planeta Tangerina
Destinatários: crianças entre os cinco e os dez anos.

Última quinta-feira de cada mês | 26 outubro | 18h30
Debates sobre História ao fim do dia | “Os jornalistas e os jornais no Estado Novo”
Sinopse | Durante o tempo da ditadura de Salazar e Caetano a imprensa foi submetida a censura que continuamente escrutinava os conteúdos dos jornais. No entanto o controlo sobre a imprensa ultrapassava a atuação da censura: os diretores, os jornalistas e os jornais e o capital das empresas também eram escrutinados. Ainda assim os jornais conseguiram afirmar algumas especificidades, sobretudo ao longo dos anos 60 e, os jornalistas foram garantindo reivindicações.
Nesta comunicação pretende-se expor as alterações sensíveis nos jornais e nos jornalistas e explicar como foi possível alguma mudança sensível apesar da ditadura, da censura e da repressão.
Destinatários: público em geral
Não é necessária inscrição prévia

27 outubro | 18h30
Espaço Público: “"Consumismo, queremos + do que precisamos?", com o professor João Carlos Graça
Sinopse: Muito do nosso mundo gira em torno do consumo. Mas quantas vezes paramos para pensar se precisamos mesmo de comprar aquele último
modelo de smartphone ou de rechear o quarto das crianças com mais uns brinquedos de plástico?
Entretanto tendemos para esgotar os recursos do planeta. Mas há alternativa?
João Carlos Graça, professor de Sociologia Económica no ISEG (Instituto Superior de Economia e Gestão) vai conversar connosco sobre este tema.
Destinatários: público em geral

Último sábado de cada mês | 28 outubro | 15h30 – 16h30
Teatro Musical Infantil | “Caracol Ulisses, as árvores e os alimentos da horta”
Sinopse | Teatro Infantil Didático Muzumbus
“O caracol Ulisses adora explorar o verdejante jardim, cheio de surpresas inesperadas. A sua curiosidade vai levá-lo a conhecer os imensos legumes que povoam a Horta deste belo jardim. Será que todos os legumes são tratados da mesma forma? O que é um adubo natural ou um fertilizante químico? E para que servem? Mas este longo dia torna-se ainda mais especial quando uma nova Árvore é plantada no jardim! Por que razão as Árvores são tão importantes para o Planeta Terra? É esta Árvore que ajudará Ulisses e as crianças a responder às suas questões! Vem assistir a esta “Caracol Ulisses sobre as Árvores e a Horta” e ainda conhecer a Florinda - uma surpresa final muito divertida e interativa!
Destinatários: público infantojuvenil
Necessária inscrição prévia

Exposições

Até 21 outubro
Exposição “A minha casa não tem dentro” de António Jorge Gonçalves
Sinopse | “No dia 22 de fevereiro de 2016 - por causa de uma veia que rebentou no meu estômago - morri e regressei à vida, num acontecimento que atravessou espaço e tempo separando e unindo em simultâneo. Descrevê-lo com desenhos fez parte dessa viagem.”
Destinatários: público em geral

Até 11 novembro
Exposição coletiva “Cidades” do The Lisbon Studio
Sinopse: “...É lícito dizer que as histórias são feitas da mesma substância que as cidades: há uma arquitectura de memórias trazidas para o papel, estruturas de fundações mais profundas que as dos prédios. A cidade está em constante mutação, e as memórias, aparentemente fixas em tinta, mudam de acordo com quem as lê, quem as interpreta. Uma história passada numa cidade muda tantas vezes quantas as que é contada, sendo que é contada de cada vez que é lida...” – do prefácio de Filipe Homem Fonseca

 

Biblioteca Municipal Fernando Piteira Santos
Av. Conde Castro Guimarães, Nº 6 – Venteira
Telefone: 214 369 054
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
GPS: 38.752483, -9.2337572

Horário da Biblioteca:
Seg e sáb: 10h00 – 18h00 | ter a sex: 10h00 – 19h00
Fora de Hor@s: 20h00 - 24h00